Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




RECOMEÇANDO ...

por Francisco Galego, em 01.09.17

Todos os projectos são concebidos e realizados segundo objectivos previamente determinados e com vista a configurarem-se por parâmetros previamente definidos.

 

Nos textos aqui publicados o objectivo preponderante foi o de provocar um pensamenton dialogante e continuado entre quem escreve e  quem os vai ler.

 

Concebido no espaço da comunidade campomaiorense, natural se torna que tenda, com alguma insistência, a centrar-se em coisas que digam, de algum modo, respeito ou se concentrem em questões ligadas a esta comunidade.

 

Porém, como cada texto parte sempre da iniciativa de quem, em monólogo que pretende ser diálogo, determina os conteúdos e os temas, é também natural que tenda a incidir sobre o  pensamento de quem os escreve.

 

Por crença fundamental, de quem os escreve, é assumido o compromisso de  que as opiniões dos que possam intervir, serão respeitadas, desde que assumam esse mesmo compromisso.

 

À partida, está tacitamente definido que este não é um espaço de troca de cumprimentos, amabilidades ou outros gestos  de convívio social que também têm cabimento nesta forma de comunicação social, mas em projectos com outros objectivos.

 

Por isso, não seria espectável que suscitasse  uma elevada participação. Mas, até agora, tem surpreendido que, consoante os temas e as circunstâncias, as participações tenham variado entre um mínimo de 100 e um máximo de 600 leitores, nos textos até agora aqui publicados. A expectativa era, à partida, muito abaixo dos números referidos.  

 

Será quase excusado dizer que, quem escreve para publicar, o faz essencialmente por gosto. Logo, deixará de o fazer,  quando esse gosto se desvaneça. Daí decorre que este “monólogo dialogante” continuará enquanto isso não acontecer, ou outras circunstâncias o não impossibilitarem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D