Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




NOTÍCIAS ANTIGAS DE CAMPO MAIOR (10)

por Francisco Galego, em 10.09.19

Publicada no número 410,  do jornal  - A Voz do Alemtejo - publicado em Elvas, no dia 22 de Fevereiro de 1865, VI ano, pág.s 1 e 2 .

AS CASAS DA CÂMARA

A ilustre câmara municipal aproveitou as férias do Natal para melhorar, quanto possível, o material da escola, continuando ainda alguns melhoramentos, mesmo depois das férias, para cujo fim o sr. presidente e o sr. fiscal combinaram de a preparar de tal modo que ela não faça corar a câmara que a melhora, nem a povoação que a possui e mesmo para satisfazer as indicações do ex.mº comissário dos estudos neste distrito.

Uma obra urgente projecta a câmara mandar fazer debaixo dos páteos das escadas do edificio da câmara para evitar que os meninos da escola vão sastifazer certas necessidades à muralha ou a casa de seus pais.

Vou dizer aos leitores curiosos alguma coisa  sobre a capacidade do belo edifício, "casas da câmara".

Com porta de entrada pela Praça Nova, há as seguintes casas: 

- Debaixo dos pátios das escadas, de cada lado da entrada, há duas  casas pequenas, actualmente desocupadas; 

- No centro há uma grande porta de entrada para o depósito dos celeiros comuns (que constam de mais de 500 moios de trigo e de  alguns contos em dinheiro) cuja casa sustem, com 4 grossas colunas, dois grandes salões do pavimento superior;

- Debaixo do arco que comunica a rua de São Pedro com a Praça Nova, está a porta de entrada para a escola primária, com capacidade para  130 alunos; 

- Em seguida, está a secretaria dos celeiros comuns que ocupa três pequenas casas e próximo a esta estão duas, presentemente desocupadas;

- Da parte da rua de São Pedro há duas casas que ficam debaixo da do celeiro comum, estando uma alugada a um carpinteiro e outra servindo de depósito de ladrilho, cal, mármore, etc. para as obras do concelho e, uma outra casa serve para nela se aferirem os pesos e as medidas;

O pavimento superior consta de uma grande sala para as sessões da câmara, com uma pequena casa para o respectivo arquivo, uma linda capela com porta para o pátio do edifício, uma outra grande sala para as audiências do juiz ordinário, uma casa interior que serve de depósito do azeite da iluminação pública.

Neste pavimento superior, numa outra sala, está a Administração do Conselho, com um gabinete para o administrador e noutra está a Repartição da Fazenda. Detrás destas estão oito casas, umas desocupadas, outras servindo de residência ao contínuo e de alojamento para os oficiais que para aqui foram destacados.

Todas estas casas térreas, bem como as superiores, têm janelas para a rua de S. Pedro. Todas as casas do pavimento superior têm sacadas para a Praça Nova, onde está um primoroso pelourinho. 

Consta que todas as aulas que estão fora deste grandioso edificio, vão para aqui ser mudadas. Oxalá assim seja, para aformosear tão magnífico monumento.

Consta também que a rua de S. Pedro vai brevemente usar de calçada moderna. Bem precisa.  

AS CASAS DA CÂMARA

A ilustre câmara municipal aproveitou as férias do natal para melhorar, quanto possível, o material da escola, continuando ainda alguns melhoramentos, mesmo depois das férias, para cujo fim o sr. presidente e o sr. fiscal combinaram de a preparar de tal modo que ela não faça corar a câmara que a melhora, nem a povoação que a possui e mesmo para satisfazer as indicações do ex.mº comissário dos estudos neste distrito.

Uma obra urgente projecta a câmara mandar fazer debaixo dos páteos das escadas do edificio da câmara para evitar que os meninos da escola vão sastifazer certas necessidades à muralha ou a casa de seus pais.

Vou dizer aos leitores curiosos alguma coisa  sobre a capacidade do belo edifício, "casas da câmara".

Com porta de entrada pela Praça Nova, há as seguintes casas: 

- Debaixo dos pátios das escadas, de cada lado da entrada, há duas  casas pequenas, actualmente desocupadas; 

- No centro há uma grande porta de entrada para o depósito dos celeiros comuns (que constam de mais de 500 moios de trigo e alguns contos de réis em dinheiro) cuja casa sustem com 4 grossas colunas, dos grandes salões do pavimento superior;

- Debaixo do arco que comunica a rua de São Pedro com a Praça Nova, está a porta de entrada para a escola primária, com capacidade para  130 alunos; 

- Em seguida, está a secretaria do celeiros comuns que ocupa três pequenas casas e próximo a esta estão duas, presentemente desocupadas;

- Da parte da rua de São Pedro há duas casas que ficam debaixo da do celeiro comum, estando uma alugada a um carpinteiro e outra servindo de depósito de ladrilho, cal, mármore, etc. para as obras do concelho e, uma outra casa serve para nela se aferirem os pesos e as medidas;

O pavimento superior consta de uma grande sala para as sessões da câmara, com uma pequena casa para o respectivo arquivo, uma linda capela com porta para o pátio do edifício, uma outra grande sala para as audiências do juiz ordinário, uma casa interior que serve de depósito do azeite da iluminação pública.

Neste pavimento superior, numa outra sala, está a Administração do Conselho, com um gabinete para o administrador e noutra está a Repartição da Fazenda. Detrás destas estão oito casas, umas desocupadas, outras servindo de residência ao contínuo e de alojamento para os oficiais que para aqui foram destacados.

Todas estas casas terreas, bem como as superiores, têm janelas para a rua de S. Pedro. Todas as casas do pavimento superior têm sacadas para a Praça Nova, onde está um primoroso pelourinho. 

Consta que todas as aulas que estão fora deste grandioso edificio, vão para aqui ser mudadas. Oxalá assim seja, para aformosear tão magnífico monumento.

Consta também que a rua de S. Pedro vai brevemente usar de calçada moderna. Bem precisa.  

 -----------------------------------------------------

 Publicada no número 410,  do jornal, - A Voz do Alemtejo -, publicado em Elvas no dia 22 de Fevereiro de 1865, VI ano, pág.s 1 e 2 .

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:45


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D