Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




EM QUE IRÃO TORNAR-SE AS FESTAS?

por Francisco Galego, em 22.08.19

AS MANIFESTAÇÕES CULTURAIS NA VILA DE CAMPO MAIOR

Vila de dimensão média, muito isolada no interior de um território, Campo Maior, passou por fases extensas de grande isolamento que a marcaram de um ponto de vista cultural.

Encostada junto ao limite que é a fronteira com a Espanha - que a separou pela língua e que lhe definiu as limitações dos contactos -, principalmente em tempos de poucas e, por vezes, bastantes difíceis condições de comunicação -, desenvolveu formas próprias de viver e de conviver que definiram modos próprios de comportamentos sociais.

Ora, as manifestaçõe culturais que nascem numa sociedade, reflectem o seu modo de existir. E, logicamente, as fases que marcam os períodos da sua evolução, expressam-se pelas características linguísticas e pelos comportamentos sociais.

Em finais do século XIX, com o desenvolvimento das actividades agrícolas, começou a emergir uma nova estrutura social, a dos artístas, ligada às profissões artesanais que asseguravam a construção e manutenção dos equipamentos agrícolas: carpinteiros, ferreiros, albardeiros, ferradores, caldeireiros... E, os elementos destas novas profissões, vão ter tal influência que originaram uma festa  que passou a ser designada como a festa dos artistas. Por semelhante razão, quando nelas se envolveu todo o povo, integrado na ornamentação das ruas, passaram a ser designadas como as festas do povo. 

E agora em que já não podemos garantir as agregações dos moradores da mesma rua que levavam à formação das "comunidades de vizinhos" que assumiam a sua ornamentação sempre que se realizavam as festas?  

Parece-me pertinente  colocar a questão:

Se agora, a sociedade local está organizada  de nova maneira, tornando-se pouco possíveis  os serviços dos artesãos, por serem muito reduzidos os que poderiam desempenhar os trabalhos que lhes eram próprios, e se a própria população mudou de forma acentuada o conjunto das suas necessidades, que feição irão tomar as manifestações de celebração colectiva na vila de Campo Maior?

Porque, é natural que assim seja. As manifestações culturais, que nascem numa sociedade, tendem a reflectir as fases e a evolução dessa mesma sociedade. Ou seja, tem cabimento colocar a seguinte questão: Como irão evoluir as "festas", aqui, em Campo Maior?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:55



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D