Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Aos que se colocam numa postura mais racionalista, custa muito entender que as ditas “massas populares”, por vezes tão carentes, quanto mal esclarecidas, tendam a acolher as propostas que “iluminados lideres” lhes apresentam como fáceis e seguros modos de encontrarem, rápida e eficaz, solução  para os seus problemas.

Daí a  dificuldade em compreendermos certos “movimentos sociais” que estão a proliferar neste nosso tempo, sendo nitido que neles a razão conta quase nada, face ao perdominante peso das convicções, quase sempre muito pouco e muito mal fundamentadas.

No fundo temos explicações que muitos não entendem, porque os menos esclarecidos, tendem mais a formularem as suas opiniões com base naquilo que são levados a acreditarem, do que naquilo que concluiriam se aceitassem analisar os factos baseados numa razão fundamentada em argumentos comprovados e  claras explicações.

Ou seja, na realidade, as massas populares entre um pensamento fundamentado e um confuso conjunto de convicções, na sua grande maioria tendem mais a colocar-se do lado da fezada, do eu acho que, do que a basearem-se em conhecimentos adquiridos por uma eslarecida  razão.

Por mais que os intectuais honestos procurem explicar, estarão sempre em desvantagem, perante os parladores eficazes - os de palavra fácil - e que, sem qualquer limite ou constrangimento, prometem e convencem com base em miraculosas justificações.

A denúncia destes casos,  devia ser tomada como missão, para denúncia desses mestres em propaganda, cujo saber consiste apenas em encontrarem a maneira mais hábil de convencerem, para melhor manipularem. São eficazes na medida em que conseguem encaminhar as massas para que estas  construam a base em que eles possam assentar o seu próprio poder.

Torna-se muito difícil a tarefa dos que pretendem iluminar as consciências, para beneficio das condições de vida dos mais desfavorecidos, se  outros cuidam de os conduzirem, não no sentido  que mais  os favoreça, mas com o fim de alcançarem os seus desígnios  e para que se concretizem os interesses que melhor sirvam as suas ambições.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:02


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D