Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O QUE DIZEM OS DOCUMENTOS X

por Francisco Galego, em 16.03.11

O Campomaiorense, Ano III, Nº 62, 30 de Outubro de 1923

As festas do Povo

   As Festas do Povo tiveram este ano um brilhantismo desusado. Cerca de 5.000 pessoas aclamaram os briosos aviadores militares que visitaram a vila por ocasião das festas.

 

(...) Quase todas as ruas se achavam ornamentadas a capricho. Merecem especial referência o Largo do Terreiro e as ruas do Pedroso, Major Talaya, Visconde de Seabra, Vasco Romão e Miguel Bombarda. Das surpresas, a destacar: o moinho do hábil artífice Sr. Peguinho e um avião dos Srs. Humberto Pires e Serafim Sobrinho.

(...) A nota mais animada das festas, foi a vinda de dois aviões do Grupo de Esquadrilhas de Aviação República, da Amadora, cuja chegada estava anunciada, no programa, para o primeiro dia das festas, tendo sido, à última hora, marcada para o segundo dia, por motivo dos mesmos aviões terem de inaugurar um campo de aviação, em Vila Real de Santo António.

   Manhã cedo, as estradas que conduzem ao Rossio de S. Pedro, onde se devia fazer a aterragem, ofereciam um aspecto curioso. Quase toda a população da vila e os forasteiros, afluíram aquele local para gozar o emocionante espectáculo da chegada dos aparelhos que, pela primeira vez, nos visitaram. A aterragem estava marcada para as 9 horas. A essa hora, encontravam-se já no Rossio cerca de 5.000 pessoas.

(...)    A Comissão das Festas trabalhou afanosamente para que elas tivessem o brilho que as distinguiu. A Comissão, se bem que teve alguma decididas boas vontades a auxiliá-la, teve também muitas más vontades a embaraçar-lhe o caminho mas, apesar de todas as contrariedades e dissabores, houve-se por forma a merecer a simpatia geral dos campomaiorenses. Só quem acompanhou de perto os trabalhos da Comissão pode avaliar quanta energia e tenacidade foi preciso desenvolver para chegar a tão brilhantes resultados. O Campomaiorense, agradecendo aos simpáticos rapazes da Comissão as gentilezas com que cumularam o seu redactor, louva-os pelo seu acentuado bairrismo e pela sua acção inteligente em prol de Campo Maior.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:34



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D