Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O CASTELO DE CAMPO MAIOR - III

por Francisco Galego, em 02.03.08
Figueiredo, António Dias da Silva e, (1732)
El-rei D. Dinis, que foi o primeiro a ter a sua possessão, enobreceu-a com o foral de vila e fortificou-a com um vistoso castelo no ano de 1310, o qual, situado em local eminente, … (tinha) seis pequenas torres que acompanhavam uma grande a que chamavam a da homenagem, que tinha de altura pouco mais de 160 palmos (mais ou menos 35 metros) e de circunferência 240 (cerca de 50 metros). No seu interior, além de um grande armazém de munições de guerra, sobrava espaço para um largo caminho que, com suave subida, conduzia a um espaçoso eirado (terraço), donde se descortinava até à distância de muitas léguas. Tinha uma tão forte abóbada toda de cantaria, à prova de bomba e de tal grossura que sobre ela trabalhavam duas peças de artilharia de bom calibre, que nela se conservaram até aos primeiros anos das guerras de 1704. Nessa altura foram experimentadas, tendo os seus tiros provocado tal abalo nas casas que foram descidas para se colocarem noutro local.
Este castelo cercava uma povoação situada num plano, de 1076 fogos em que se contavam 5.743 pessoas. Esta povoação estava guarnecida por uma forte e moderna muralha, defendida por nove baluartes, um orelhão[1] e uma praça baixa. Tem duas portas principais e uma falsa (poterna).
 


[1] Orelhão – Maciço arredondado de alvenaria no ângulo de um bastião de uma fortaleza, onde eram construídas as torres para proteger os canhões.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:26


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D