Sexta-feira, 05 de Abril de 2013

Fantasias e realidades sobre as origens das “Festas do Povo”


Não é fácil demarcar com rigor a data de começo das Festas do Povo de Campo Maior. Como para quase todos as realizações levadas a cabo colectivamente pelo povo, estas festas tiveram a sua génese ao longo de um período largo de tempo. As manifestações de cultura popular deixam poucos testemunhos escritos, tornando-se, quase sempre, muito difícil reconstituir a maneira como nasceram e como foram evoluindo.

Mas o povo, quando não sabe inventa. Não por má fé ou censurável intenção, mas porque é próprio do homem buscar explicação para as coisas que lhe despertam interesse ou curiosidade.

 

Nunca vi ruas assim,

Mas quem seria o pintor?

Foi o povo que as pintou

Com carinho e com amor.

                                                       

Campo Maior minha terra,

E terra dos meus amores;

Setembro Festa do Povo,

As ruas cheias de flores.

 

Foi o povo que as fez,

Com suas mãos carinhosas;

Cada rua é um jardim,

De flores maravilhosas.

 

Todos fizeram flores,

Todos cantaram cantigas;

Eram crianças e velhos,

Rapazes e raparigas.




publicado por Francisco Galego às 09:48
Aqui se transcrevem textos, documentos e notícias que se referem à vida em Campo Maior ao longo dos tempos
mais sobre mim
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

14
15
16
17
18
20

21
22
23
24
25
27

28
29
30


arquivos
pesquisar neste blog
 
Visitas
blogs SAPO