Segunda-feira, 28 de Fevereiro de 2011

O Campomaiorense, Ano I, Nº 2, 15 de Agosto de 1921

Campo Maior – Grandiosas e deslumbrantes festas em honra de S. João Baptista nos dias 1, 2, 3 e 4 de Setembro de 1921.

Programa das festas

Imponente cerimonial de igreja: Orquestra composta de um grande número de executantes, sob a hábil regência do sr. José Francisco Soares; Sermão pelo distinto orador Vener. Dr. Costa Gomes

Vistosa e geral ornamentação de todas as ruas e largos da vila

Quermesse onde figuram muitas e ricas prendas

Festival na Avenida Dr. Agrela

Concerto musical pela “Banda União Campomaiorense” sob a regência do maestro José Francisco Soares

Imponentes touradas à vara larga

Maravilhoso fogo-de-artifício confeccionado pelo hábil pirotécnico das Mouriscas, Francisco Marques Amarante

Corrida de bicicletas e diferentes jogos desportivos

Concurso de ruas ornamentadas

Bailes, grande iluminação eléctrica e à veneziana e outros atractivos

O Campomaiorense, Ano I, Nº 3, 1 de Setembro de 1921

Festas em Campo Maior

Por nova deliberação da comissão das festas anunciadas, foram transferidas as mesmas para os dias 4, 5, 6 e 7 de Setembro. Continua grande entusiasmo na ornamentação das ruas, havendo diversas comissões constituídas, o que é de esperar grande brilhantismo.

O Campomaiorense, Ano I, Nº 4, 15 de Setembro de 1921

As festas na nossa terra

Já lá vão longe as festas pomposas que há dias nesta vila se realizaram em honra do glorioso S. João Baptista, padroeiro de Campo Maior, cujas já se não realizavam há 11 anos. São dignos de louvores todos os que para o seu engrandecimento concorreram, sendo especialmente mui dignos deles os promotores dos festejos, rapazes de diversas classes que, por meio duma subscrição, obtiveram quantia suficiente para a realização dos seus intentos, sendo tudo coroado do melhor êxito. A maioria dos largos e ruas da vila, algumas as mais modestas, vimos vistosamente engrinaldadas com festões de bucho e bandeirolas, levantando-se em muitas delas grandes e decorados mastros, tudo iluminado à noite com grande quantidade de balões venezianos, lanternas e lâmpadas eléctricas, o que, junto às iluminações das casas particulares, dava à vila um aspecto muito agradável.

 



publicado por Francisco Galego às 16:56
Aqui se transcrevem textos, documentos e notícias que se referem à vida em Campo Maior ao longo dos tempos
mais sobre mim
Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11

13
14
15
17
18
19

21
22
23
25
26

27


arquivos
pesquisar neste blog
 
Visitas
blogs SAPO